auto-destruição

mein kopf explodieren

auto-destruição

Postby medina » Fri May 26, 2006 7:14 pm

Ontem estava preocupado com a Defesa. Meu chefe me enchendo o saco pelo telefone, ele não estava entendendo porra nenhuma do que eu falava. Mas estava falando em copta. Às vezes penso que os mudos são abençoados.

De repente, olhei para o meu polegar que estava ardendo. Estava sangrando. Havia uma ferida muito grande nele. Nesse instante percebi que ninguém fez aquilo senão eu. Já havia roído todas as unhas, sem perceber. Também sem notar comecei a roer todas as cutículas. Todas as peles sobressalentes dos meus 10 dedos. Também sem saber comecei a morder, arrancar e cospir no lixo a pele na lateral do meu polegar. Sem saber o que eu estava fazendo, simplesmente arranquei um pedaço da minha pele e carne, e cospi no lixo ao meu lado.

Todos os meus dedos estavam inflamados. Mas o meu polegar sangrava.

E fiz tudo isso sem saber. Sem prestar atenção. Meu conciente está tão distante que meu inconciente pode atuar à vontade, não só quando durmo, mas, a todo instante.

E nesses instantes eu percebo como meu próprio inconciente me odeia, quer ver-me morto, moído como um rato que ele pensa que sou.

Mas se é meu inconciente, também fico pensando se ele não tem razão.

Eu não sei...

Aqui no centro da cidade há um mendigo que fica assustando muita gente. Mas quando presto atenção nele, fico bastante triste. Ele é um senhor, mais de 50 anos, baixo, uma expressão extremamente fechada e carrancuda, digna de um verdadeiro Orc. Está sempre inquieto e tem uma voz extremamente gutural, rasgada e dolorosa, fica gritando palavrões, injúrias e outras expressões terríveis.

Quem passa por ele pode pensar que ele grita para os outros, ofende os outros. Mas depois que eu comecei a prestar atenção nele - sua voz, suas expressões, sua postura, curvada, fechada, cabeça inquieta, vacilante, mas nunca altiva e ofensiva - é que eu percebi que ele ofendia-se a si próprio.

"CALA A BOCA!!" "FILHO DA PUTA!!" "MALDITOOOOO!!" FILHO DA PUTA, CALA A BOOOOCAAAAA!!!" dizia muitas vezes relutante, engasgava, com aquela voz arrastada, rasgada, amarga.

Era como ouvir Gollum e Smeagol, mas, era real. Terrivelmente crú.

Porque ele luta? Porque ele se ofende? Porque ele não se perdôa? Porque ele elouqueceu? O que aconteceu para que ele se tornasse assim?

Nesse momento gostaria de ser psicólogo para interpelá-lo e tentar um diálogo. Verdadeiramente. Gostaria de ser um messias para libertá-lo de seu sofrimento e dizer "seus pecados estão perdoados". Mas quais pecados? Será que eles foram realmente cometidos?

Mas não sou messias ou psiquiátra. Não sou sequer uma pessoa de boa índole. Do xerox, Fórum ou banco fico observando COVARDEMENTE esse mendigo andando em círculos. Observo atentamente como se fosse um espelho. É UM MALDITO ESPELHO.

Na mesma quinta-feira topei com ele na rua. Estava com dois cortes PROFUNDOS na bochecha direita, com uma mancha de sangue seco que ia até o pescoço e se escondia atrás da camiseta encardida.

Certamente ninguém teria feito isto com ele. Só ele.

Lembro-me bem desta cena pois quando vi esses cortes passei mal, fisicamente falando. Eu tremi e gelei. Virei a cabeça e passei rápido, como todos os outros pedestres.

(Nesse instante estou imaginando ele cortando a si próprio, com uma garrafa quebrada de pinga que encontrou na frente do boteco fechado na madrugada fria.)

Gostaria de não ter que escrever e cospir essas palavras. Gostaria que isso não fosse um desabafo, que fosse só ficção. Mas hoje eu realmente precisava escrever toda essa merda.

E eu só gostaria de saber se ele sabe o que PORRA ele está fazendo.

Assim como eu também não sei.
vocês são mó errado
User avatar
medina
Administrador
 
Posts: 6021
Joined: Wed Nov 06, 2002 5:00 pm
Location: limbo jurídico

Postby Warlocker » Tue Jun 13, 2006 10:00 am

Nao li mto do Worf mas minha logica sobre isso é diferente... acho tb q nao tem mto ha ver com sanidade... tem ha ver com necessidadede conforto.... Ja faz anos q analiso mto as pessoas, nao q eu seja bom nisso mas peguei uma pratica, e oq mais noto e q todas as pessoas tem suas mediocridades e necessidades psicologicas..

No caso da dor acho que varia de casos pra casos..

Geralmente, penso eu, as pessoas se machucam porque na verdade buscam inconscientemente um refugio... A dor fisica ajudaria a sobrepor a dor emocional (bom isso e obvio).....

Vc pode pegar por exemplo um gotico poser mediocre hehe.. ele pensa em "se matar" cortando os pulsos na maior depre, no fundo ele sabe q nao vai se matar...isso alem de ser um posersismo e uma maneira do inconsciente dele criar uma situaçao de refugio. a ideia da morte é algo epico para posers e algo bom para suicidas ou desesperados.. no fim tanto o mendingo quanto um gotico idiota tentam se matar mas nao conseguem, isso pq tudo q uma pessoa triste quer é um conforto, e só a ideia da morte ou a ilusao q vc vai morrer apenas cortando os pulsos ja é um conforto... pq na cabeça da pessoa a morte sreia algo bom...

Eu msmo ja pensei em usar a dor conscientemente de forma bem diferente para educar meu psicologico...ou seja, me cortar, nao como depressao ou tentativa de suicidio (nunca fui disso) mas em uma tentativa de me auto-educar. Por exemplo, toda vez q eu cometesse algum erro em algo que eu estou tentando mudar eu usaria a dor fisica.. simplesmente pq eu sou um patife q odeia se machucar, assim eu ajudaria ao meu psicologico a construir uma mudança faze-lo ficar mais atento para que nao cometa erros, ja q ele inconscientemente lembraria da dor desgaradavel relacionada ao erro.. pela teoria funciona mas pra falar a verdade sou tao patife que nem tentei huehuehue

Mas no caso do seu chefe Medina pode ser outras coisas tb.... desde seu psicologico tentando extrair seu nervosismo acumulado em outras sensaçoes nervosas ou ate mesmo voce descontando a raiva q esta sentindo pelo seu chefe...

E tb claro, tb ha a culpa.... eu na minha conepçao penso q se a vida de alguem e uma merda, ela consciente ou inconscientemente tb culpa a si msmo por nao poder muda-la... isso ja e uma razao mais do q suficiente pra pensarmos em auto-destruiçao... no caso do mendingo por exemplo..
User avatar
Warlocker
Embaixador da Tontolandia
Embaixador da Tontolandia
 
Posts: 9056
Joined: Tue Nov 05, 2002 9:59 am


Return to Geistatron

Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 3 guests

cron